The Christian Post > Mundo|Qui, 19 Set. 2013 10:45 AM EST

Aaron Alexis, atirador de Washington (EUA), era budista; sua mãe pede desculpas: 'Meu coração está arrasado'

‘Está agora em um lugar em que não pode mais fazer mal a ninguém, e por isso estou feliz’

PorMaria Carolina Caiafa | Correspondente do The Christian Post

Aaron Alexis, de 34 anos, atirador que matou 12 pessoas na capital dos Estados Unidos (EUA), Washington, era budista. Na quarta-feira (18), a mãe do rapaz Cathleen Alexis pediu desculpas: “Às famílias das vítimas: sinto muitíssimo pelo que aconteceu. Meu coração está arrasado”.

  • Aaron Alexis
    (Photo: Screenshot/CBS News)

Ele foi morto por policiais, após realizar a chacina, em um complexo naval. “Aaron está agora em um lugar em que ele não pode mais fazer mal a ninguém, e por isso estou feliz [...] Não sei por que ele fez o que fez, e nunca poderei perguntar a ele o por quê”, falou Cathleen.

Aaron frequentava um templo de budismo tailandês, no qual fazia meditação, por cerca de três anos, em Fort Worth, no Texas, no sudoeste do país, e gostava de armas. Na segunda-feira (16), Alexis carregava três armas: um rifle de assalto AR-15, uma espingarda e uma pistola, que ele tomou de um policial, que estava no local do crime.

Ele foi militar, reservista da Marinha, entre 2007 e 2011, onde é lembrado por problemas disciplinares. Depois, mudou-se para o Texas, onde arranjou um emprego em uma empresa de serviços de informática, que o ligava a esse mundo da Marinha de onde fora excluído. Por causa dessa ocupação, teve acesso ao complexo de Washington. Ele estava inscrito também em um curso universitário de Aeronáutica pela Internet.

“Era prestável”, disse J. Sirun, assistente dos monges do templo ao jornal Washington Post. O religioso considerou: “Não gostava de se aproximar de ninguém, como um soldado que esteve na guerra. Mas nunca pensei que ele pudesse ser violento assim. Por fora, era uma pessoa calma. Mas por dentro penso que era muito agressivo”.

O caso levantou a discussão sobre o porte de armas nos EUA.

Curta-nos no Facebook

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca