The Christian Post > Mundo|Qui, 30 Ago. 2012 11:22 AM EST

Brasil ajuda Tweet para Youcef Nadarkhani a alcançar 3 milhões

PorAmanda Gigliotti | Repórter do The Christian Post

Brasileiros ajudam a campanha #TweetforYoucef em prol do pastor iraniano preso por sua fé em Cristo, Youcef Nadarkhani, a alcançar 3 milhões de pessoas, segundo informou o Centro Americano para Lei e Justiça (ACLJ).

  • #TweetforYoucef
    (Foto: Centro Americano para Lei e Justiça)
    Campanha em favor do pastor iraniano Youcef Nadarkhani atinge 3 milhões de pessoas por dia.

A ACLJ anunciou que a campanha está agora atingindo 3,032,309 no Twitter por dia com notícias e informações sobre o pastor cristão Youcef, que já está preso há mais de 1.000 dias. Em inglês a história dele está alcançando 2,246,388, e através da ACLJ no Brasil, ela está alcançando 785,921 em português cada dia.

"Em menos de sete meses, a história de Pastor Youcef, através de Tweet para Youcef, literalmente viajou pelo globo, alcançando 3 milhões de contas no Twitter em 234 países e territórios, incluindo mais de 97% de estados membros das Nações Unidas e 40 nações de maioria muçulmana ou sob a Lei sharia."

O objetivo da campanha é inundar a rede social com os pedidos de oração e mobilizar os cristãos de todo o mundo em favor de sua causa.

“Ele só está vivo hoje por causa da pressão internacional sobre o Irã - das pessoas do mundo que levantaram suas vozes, exigindo que sua vida fosse poupada. Precisamos manter essa pressão”, afirma a organização em seu site.

Recentemente, líderes cristãos brasileiros se mobilizaram durante Conferência Rio+ que aconteceu em junho, manifestando-se contra o presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, na frente do hotel onde ele ficou hospedado, na zona sul do Rio de Janeiro.

Curta-nos no Facebook

Pastores cristãos brasileiros também entregaram uma carta oficial ao presidente iraniano, contendo um apelo pela vida do pastor preso e condenado à morte.

“Nós, pastores cristãos do Brasil, representando milhões de evangélicos em nosso país, vemos por meio desta apelar pela vida de seu co-cidadão preso, Sr. Youcef Nadarkhani, que tem através da internet enviado apelos por orações em seu nome e em nome de sua família”.

Nadarkhani foi preso em 2009, depois de protestar contra a decisão do governo de forçar as crianças a estudarem o Alcorão, incluindo seus filhos. Ele foi acusado mais tarde de apostasia e de evangelizar muçulmanos.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca