The Christian Post > Mundo|Sex, 27 Set. 2013 16:20 PM EST

Comediante diz que ateísmo será o 'novo casamento gay' em termos de aceitação nos EUA

Bill Maher indica que o número de ateus assumidos crescerá nos EUA

PorLuciano Portela | Repórter do The Christian Post

O comediante e apresentador Bill Maher apontou recentemente que o ateísmo será o "novo casamento gay", em relação à aceitação da população norte-americana nos próximos tempos.

  • Bill Maher
    (Foto: Reprodução/Facebook)
    Bill Maher, apresentador e comediante norte-americano.

Ateu assumido, Maher ressaltou que há muitas pessoas nos Estados Unidos que têm a ideia de não estarem ligados à nenhuma crença, mas que ainda não atingiram maturidade suficiente para assumirem suas posições como ateus, por conta de receios.

"[Ateus] estão lá fora, eles mantêm isso em mente, apenas estão com medo de dizer isso. Mas isso está mudando. Vai ser o novo casamento gay", declarou Maher em entrevista.

Para Maher, a tendência é que o aumento de pessoas que declaram ateístas nos EUA seja cada vez mais evidente, e que isso será refletido em futuras pesquisas de opinião e na participação de representantes ateus dentro da política norte-americana.

Durante a conversa, o comediante foi questionado se iria se predispor a levantar a bandeira para defender os ateus. Cauteloso, ele afirma que não acredita se vale a pena a luta, já que já foi criticado diversas vezes por declarações polêmicas com sua posição, sobretudo depois de estrelar o documentário Religulous, de 2008.

Em Religulous, Bill Maher usa seu humor para critica diversas religiões de forma parcial, ao questionar a influência da igreja na sociedade com ironia. O próprio nome do filme é composto pelas palavras religion e ridiculous, em inglês, que equivalem a tradução de religião e ridículo.

Curta-nos no Facebook

Apesar de vir com a proposta de ser divertido, o filme recebeu queixas por manipular algumas situações para forçar pessoas a estarem expostas ao ridículo. "Algumas não acharam tão engraçadas as perguntas que Maher fez de surpresa a um ator que representava Jesus num parque temático cristão na Flórida", resume Ed Stoddard, da Reuters.

Stoddard indica que algumas das cenas de Religulous "foram evidentemente editadas para fazer as pessoas parecerem tolas".

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca