The Christian Post > Entretenimento|Ter, 15 Nov. 2011 08:00 AM EST

Cristãos e Organizações Pró-Família Condenam Cena de Sexo Gay em ‘Glee’

PorJussara Teixeira | Colaboradora do The Christian Post

A Terceira temporada do seriado Glee já está no ar na TV dos EUA e traz desta feita uma cena bastante polêmica: dois personagens homossexuais realizam uma cena de sexo, no que seria a primeira experiência íntima dos dois.

  • glee
    (Foto: Divulgação)
    O casal de adolescentes Kurt (Chris Colfer) e Blaine (Darren Criss), vai ter sua primeira transa em "Glee".

A cena do relacionamento sexual entre os personagens Kurt (Chris Colfer) e Blaine (Darren Criss), que são namorados, vem gerando protestos nos EUA. A cena foi classificada pelo Conselho de Pais para a Televisão nos EUA como "repreensível", de acordo com o F5.

Já o Culture and Media Institute afirmou que o seriado promove "propaganda homossexual" e que está "ultrapassando os limites do que é aceitável na TV aberta".

Na visão cristã, a Bíblia condena claramente o relacionamento homossexual, classificando-o como pecaminoso.

De acordo com o pastor Márcio Miranda, da Igreja Presbiteriana Independente, a mídia tem feito uma campanha generalizada para impor o homossexualismo masculino e feminino, e ridicularizando quem se posiciona contra esta prática.

“O alvo desta campanha geral, presente nestes seriados americanos, nas novelas, nos filmes de Holywood e nas revistas, são os adolescentes e jovens”, afirma Miranda.

Curta-nos no Facebook

De acordo com o líder religioso, a mídia insere o comportamento homossexual de forma “colorida”, induzindo os jovens a pensarem que é louvável ser gay, como sendo uma opção que deve ser respeitada.

“Desta forma, de tanto baterem na mesma tecla, as pessoas, de um modo geral, já aceitam este comportamento como normal e admitem até a possibilidade de ter uma experiência neste sentido, nem que seja para provar e decidir se é bom o ruim”, explica Miranda.

Segundo o pastor, a técnica repetição massiva é a mesma utilizada para outros comportamentos igualmente pecaminosos, mas socialmente aceitos como: sexo fora do casamento, embriaguez na juventude, fumar cigarro, fumar maconha, entre outros.

O líder religioso pondera que, apesar de o mundo estar mudando e sermos obrigados a rever muitas coisas “há verdades absolutas da Palavra de Deus que são inegociáveis, e o fato de o homossexualismo ser pecado e abominação ao Senhor é uma delas”.

Segundo Miranda, há ainda uma pressão crescente e até uma perseguição aos que são contrários ao homossexualismo. Mas não podemos abrir mão de nossas convicções”.

“Devemos, como Cristãos que têm a Bíblia como sua regra de fé e prática, denunciar esta mentira e lutar contra esta obra do diabo que tem ceifado muitas vidas”, adverte.

A série Glee está sendo exibida pela TV Globo nas manhãs de sábado.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca