The Christian Post > Cristianismo|Ter, 15 Abr. 2014 18:10 PM EST

Entrevistador chama Deus de 'psicopata' ao criticar filme Noé, gerando reação de radialista cristão

O religioso Hank Hanegraaff questionou o ateu Bill Maher por chamar Deus de 'psicopata'

PorLuciano Portela | Repórter do The Christian Post

Ao exibir grande repercussão na mídia, o longa-metragem Noé, lançado recentemente com o ator Russel Crowe como protagonista, gerou um forte debate entre o religioso Hank Hanegraaff e o entrevistador Bill Maher, conhecido por ser polêmico e assumidamente ateu.

  • Bill Maher
    (Foto: Reprodução/Facebook)
    Bill Maher, apresentador e comediante norte-americano.

Quando dava sua opinião sobre o filme e sobre a história do naufrágio que levou à construção da Arca de Noé, Maher se referiu a Deus como um "psicopata assassino em massa que sai para assistir bebês se afogarem, declaração que causou uma reação direta de Hanegraaff, que considerou as declarações blasfêmicas.

"Eu não só achei ofensivo, mas também considero desconcertante que haja meios de comunicação que não tenham dito nada", disse Hanegraaff em seu programa de rádio Bible Answer Man, ao questionar a negligência da imprensa que não se manifesta contra o programa de Maher, o Real Time, transmitido pelo canal americano CBS.

O religioso ainda destaca que não compreende como pode ter visto outras situações onde apresentadores foram demitidos por fazerem críticas não tão controversas, como a um time de basquete por exemplo, e não se faz nada a respeito de alguém que chama Deus de psicopata.

Hanegraaff também faz queixas sobre a forma de Maher discernir as coisas de forma duvidosa, por ter uma "perspicácia intelectual limitada", já que faz comentários considerados contestáveis há anos, "sem nunca pensar" o que os cristãos têm em mente.

Em outra de suas declarações com repercussão na mídia, Maher apontou recentemente que o ateísmo será o "novo casamento gay", em termos de aceitação nos Estados Unidos, já que segundo ele a tendência é que as pessoas passem a tolerar ainda mais cidadãos que não creem em Deus, assim como aconteceu com o matrimônio entre pessoas do mesmo sexo.

Curta-nos no Facebook

Para Maher, outro ponto que torna a situação do ateísmo parecida com o casamento gay é o fato de que muitos passarão a se assumir mais como ateus, à medida que a população americana consiga consentir a vontade de que muitos não aderem a nenhuma religião.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca