The Christian Post > Tecnologia|Sex, 4 Fev. 2011 13:53 PM EST

Escola Reverte Proibição da Música de Jesus no Show de Talentos

PorLawrence D. Jones | Repórter do Christian Post tradutor Amanda Gigliotti

Uma escola de ensino fundamental no Sul da Califórnia que originalmente proibiu um aluno de quinta série de fazer uma apresentação de música rock Cristã no show de talento da escola, porque o som mencionava “Jesus” muitas vezes, reverteu sua decisão.

“O Distrito Escolar Unificado de Los Angeles (LAUSD) está muito satisfeito que todas as partes, o Distrito, o PTA, e os representantes legais para que o aluno fosse capaz de resolver a situação e chegar a um acordo para que o programa do PTA da Escola Fundamental pudesse continuar como o planejado na Sexta-feira, com plena participação do estudante,” disse o Superintendente Ramon C. Cortines em uma declaração dizendo que ambos os lados chegaram a um acordo no assunto.

O garoto irá ter a chance de realizar o “We Shine,” que se refere à Jesus aproximadamente meia dúzia de vezes, em um show de talentos da escola, na sexta-feira.

Os pais do aluno da quinta série da Escola de Ensino Fundamental entraram com processo contra o distrito escolar, alegando que a escola violou os direitos da Primeira Emenda do filho, quando eles lhe disseram que ele não poderia dançar para o “We Shine” da banda Fee.

Procuradores da Alliance Defense Fund representaram os pais em uma limiar e ação contra o distrito.

“Os estudantes cristãos não deveriam ser censurados em escolas de ensino fundamental porque os funcionários do distrito pensam que o discurso religioso pode ser ofensivo, o qual não é justificado pela Constituição,” comentou o Conselheiro Sênior da ADF David Cortman.

Curta-nos no Facebook

“A LAUSD fez a coisa certa em reconhecer os direitos constitucionais do estudante e levantar sua censura de discurso religioso no show de talento.”

De acordo com o processo, seus pais reclamaram que o diretor da escola Jerilyn Schubert chamou o som de “ofensivo” e pediu para que o garoto “escolhesse um som que não dissesse ‘Jesus’ tantas vezes” na sequência da audição de janeiro.

Enquanto isso, funcionários da escola aprovaram as seguintes músicas para o show: “Freak the Freak Out,” “Shake It Up,” e “Eye of the Tiger,” com as letras dizendo que “nós vamos matar com a habilidade para sobreviver.”
Schubert disse que isso foi realmente a decisão do PTA.

Eles estavam somente tentando seguir a política que eles acreditavam que eram parte do PTA,” disse ela ao myFOXIa.com.

“We Shine” é um single do primeiro maior álbum da gravadora de Fee de mesmo título que foi lançado em setembro de 2007.

Uma parte do refrão da música diz: “Nós somos os redimidos; Nós somos aqueles que são livres; E pertencemos a Jesus; Nós estamos vivos agora; E neste mundo nós iremos brilhar; Porque nós pertencemos a Jesus.”

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca