The Christian Post > Mundo|Sex, 9 Nov. 2012 14:19 PM EST

Esposa de missionário brasileiro preso no Senegal pede por orações

PorAmanda Gigliotti | Repórter do The Christian Post

Os advogados da Agência Presbiteriana de Missões Transculturais (APMT), cujos missionários permanecem presos no Senegal, entrarão com pedido de habeas corpus para que eles possam responder em liberdade. A esposa de um dos missonários pede por orações.

  • missionários
    (Foto: http://somentedeusgloria.blogspot.com/)
    José Dilson e Marli.

“Precisamos orar para que nossos advogados possam entrar com o pedido de Habeas Corpus o mais rápido possível. Poderemos visitá-los segunda e sexta feira, então amanha estarei indo pra lá e levarei Zucki comigo”, pediu Marli, esposa do missionário preso, o pastor José Dilson.

José Dilson juntamente com a missionária Zenaide Moreira Novaes foram presos no início de outubro acusados de tráfico de crianças, desvio de menores e formação de quadrilhas.

Os missionários trabalham para o projeto Obadias, que visa resgatar crianças que vivem nas ruas, no Senegal e compartilhar o Evangelho.

Segundo uma nova atualização de Marli nesta sexta-feira, os missionários foram ouvidos por um juiz de instrução, mas decidiu deixá-los em prisão para mais provas.

Marli afirmou, em uma nota publicada anteriormente no site da organização, que a cela onde estão os brasileiros, não tem luz, água, nem cadeira para sentar.

Curta-nos no Facebook

“Chorei muito ao ver esta situação , mas preciso ser forte. Por favor orem para que possam nos permitir levar ao menos um colchao onde possam repousar esta noite", suplicou ela.

Ela diz também que o documento de acusação consta que eles são uma “Associação de Malfeitores para as crianças”. Segundo ela, os missionários foram obrigados a assinar o documento sem terem a possibilidade de lê-lo.

Marli continua a pedir por orações para que a situação seja resolvida o mais rápido possível e os orfanatos permaneçam aberto.

“Preciso que orem, pois talvez tenhamos que fechar o orfanato, enviar estas crianças para uma outra organização (havíamos contratado um advogado para cuidar dos papeis e guarda das crianças de forma legal, ele já tinha dado inicio mas ainda não tínhamos o parecer final do juiz).”

E agradece a todos que estão colaborando com o caso.

“Obrigado queridos por todo o carinho, mensagens e amor. Só podemos agradecer e continuar a pedir ao nosso Todo Poderoso que intervenha de forma maravilhosa e nos mostre o propósito de tudo isto.”

  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
  • Wanderlei Silva no TUF Brasil...
Não Perca