The Christian Post > Cotidiano|Sex, 29 Nov. 2013 07:53 AM EST

Ex-garota de programa do MS, famosa após suas fotos vazarem na net, frequenta cultos do Sara Nossa Terra

Dulci Paina quer tirar outras mulheres da prostituição: ‘eu estou me fortalecendo, conhecendo mais sobre Deus e adquirindo sabedoria, para poder fazer esse trabalho de ajuda’

PorMaria Carolina Caiafa | Correspondente do The Christian Post

A ex-garota de programa e atual empresária, Dulci Paina, decidiu mudar de vida no dia 31 de outubro: a partir dessa data, ela deixou de fazer programa decidiu frequentar os cultos da comunidade evangélica Sara Nossa Terra. A jovem que mora na capital do Mato Grosso do Sul (MS), Campo Grande, ficou muito conhecida na cidade, depois de suas fotos sensuais vazarem na internet, sendo principalmente compartilhada entre os homens locais pelo WhatsApp. A família dela é cristã.

  • Dulci Paina
    (Foto: Facebook/Dulci Paina)
    A ex-garota de programa e atual empresária, Dulci Paina, decidiu mudar de vida no dia 31 de outubro: ela parou de fazer sexo e decidiu frequentar os cultos da comunidade evangélica Sara Nossa Terra no MS.

“Ganhar muito dinheiro, ser reconhecida na balada, tudo isso massageia o ego. Não é coisa fácil de abandonar, mas sou determinada e vou conseguir”, declarou ela ao jornal Campo Grande News, em novembro deste ano (2013).

Dulci também conversou com o portal G1 e questionou: “Antes, me criticavam porque eu era garota de programa, vendia sexo. Agora que eu decidi me converter, aceitar Deus e mudar de vida, também sou criticada. Que sociedade é essa em que vivemos, em que as pessoas se acham no direito de julgar?”

Ela contou ainda sobre as dificuldades de ser prostituta: “Infelizmente durante esses meses eu optei pela forma mais rápida de ganhar dinheiro, mas isso não quer dizer que era a forma mais fácil. Nunca foi fácil transar com outros homens. A primeira vez foi tão difícil que não consegui”, revelou.

A mudança de vida já era planejada por Paina para o último dia de 2013. No entanto, um encontro com um cliente acelerou o processo: “Chegamos no quarto e eu já estava preparada para fazer o que sempre fiz com os clientes, mas ele falou que não queria nada comigo e que estava ali porque Deus o havia mandado para me ajudar. Pediu para eu me olhar no espelho e falou que eu era uma menina bonita, gente boa e que eu não precisava mais fazer aquilo. Que Deus tinha um propósito na minha vida”.

A moça administra agora uma loja de roupas e acessórios e ganha muito menos que os R$ 20 mil mensais, que arrecadava com o antigo trabalho. Seu sonho é ajudar a transformar a vida de outras mulheres, envolvidas na prostituição: “Por enquanto eu estou me fortalecendo, conhecendo mais sobre Deus e adquirindo sabedoria, para poder fazer esse trabalho de ajuda”.

Curta-nos no Facebook

Outro plano é ficar sem sexo até o casamento. Ela dispensou, inclusive, um paquera por isso: “Estava ficando com um guri há 2 meses e perguntei se ele ficaria comigo sem sexo. Ele disse que não. Tive de abrir mão dele por causa disso [...] Sexo antes do casamento é pecado, não é do agrado de Deus. Não foi eu que coloquei isso, foi Deus, então vou respeitar”.

O caminho de fé está expresso também no Facebook de Paina. Em sua capa, ela expõe “Se baseie na palavra de Deus e não na opinião dos outros”. Ela tem mais de 4 mil seguidores, segundo dados coletados nesta sexta-feira (29).

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca