The Christian Post > Política|Qui, 3 Out. 2013 11:43 AM EST

Feliciano e outros parlamentares gravam programa partidário nacional do PSC

Deputados Marco e Jean Wyllys apoiam a batalha contra o câncer de mama em Outubro

PorMaria Carolina Caiafa | Correspondente do The Christian Post

O pastor e deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) participou, nesta semana, da gravação nacional da propaganda política, que será veiculada pelo Partido Social Cristão (PSC), do qual faz parte. A novidade foi anunciada pelo Twitter. Junto com ele, também estavam o senador Eduardo Amorim (PSC-SE) e o deputado federal Zequinha Marinho (PSC-PA), colegas parlamentares. Em breve, eles vão estar na telinha nos intervalos comerciais e/ou em horários reservados à publicidade eleitoral. O PSC, nas urnas, utiliza o número 20.

  • Feliciano grava propaganda eleitoral do PSC
    (Foto: Twitter)
    Deputado e pastor Marco Feliciano grava propaganda eleitoral do PSC.

Ainda não se sabe para qual cargo eletivo o célebre religioso vai concorrer em 2010: se vai tentar se reeleger para mandato na Câmara dos Deputados; se vai mudar de Casa no Congresso Nacional, optando por um mandato de 8 anos, no ‘vizinho’ Senado; ou se vai alterar sua pretensão em busca de cargos do Poder Executivo. Por exemplo, houve especulações sobre Feliciano disputar o posto de Presidente da República, o mais alto cargo do país.

“Eu sonho em um dia ver o povo brasileiro assistindo a voz do Brasil e o presidente cumprimentar o povo com a paz do Senhor Jesus”, disse ele este ano (2013), explicitando esse interesse.

Outras lideranças cristãs filiaram-se ao PSC neste ano (2013): a psicóloga Marisa Lobo, entre abril e maio, em Curitiba (PR), e o assessor do próprio Feliciano, o pastor Roberto Marinho, no último mês (setembro).

Lobo, na ocasião, afirmou: “Eu milito pelas causas da família, pela verdade, pela reestruturação da família tradicional. Esta é minha principal bandeira”, esclareceu ela. Já Roberto, em entrevista exclusiva ao The Christian Post, já tinha demonstrado este desejo político em agosto de 2013: “Ao ver a luta de Feliciano, cresceu a vontade de ter uma bancada cada vez mais forte, com cada vez mais políticos cristãos”, contou ele.

Outra polêmica parlamentar desta semana foi a união do pastor, presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM), e Jean Wyllys (PSOL-RJ) em prol da luta contra o câncer de mama. Os dois deputados sempre estão em lados opostos, quando o assunto envolve questões LGBT.

Curta-nos no Facebook

No entanto, os dois apareceram utilizando o ‘laço rosa’ que simboliza a batalha pela prevenção da doença feminina. Uma foto expressando a união entre Feliciano e Wyllys pela causa foi divulgada por Rosane Ferreira, do Partido Verde (PV), com a seguinte legenda: “A luta contra o câncer de mama não tem gênero, raça, religião ou partido”. Outubro é considerado o mês rosa.

Este sábado (5) é o prazo final para filiação partidária para candidatos à eleição 2014.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca