The Christian Post > Mundo|Qui, 28 Abr. 2011 00:32 AM EST

"Glee" Atrai o Fogo para Lady Gaga, Episódio Pró-gay

PorAudrey Barrick | Repórter do Christian Post

A auto-aceitação foi a principal mensagem do último episódio de "Glee." Apesar de uma mensagem positiva, os críticos dizem que o show da Fox deu um passo longe demais com seus scripts pró-gay.

"Esta é iniciativa depravada mais recente de Ryan Murphy (criador de "Glee") para promover sua agenda gay," disse Dan Gainor, vice-presidente de Negócios e Cultura da Media Research Center, à ABC News.

O show da Fox na terça-feira foi centrado em torno de "Born This Way" de Lady Gaga. A "tarefa" nesta semana para os alunos da New Directions foi aceitar o que eles são - "as partes melhores e piores" - incluindo seu nariz (Rachel), boca de truta (Sam), olhos castanhos puxados (Tina) e homossexualidade (Kurt, Santana, e Karofsky).

Eles foram convidados a pensar em uma palavra ou frase que melhor descrevesse o que eles têm vergonha ou o que eles gostariam de mudar neles mesmos," mas você não pode porque você nasceu assim," como afirmou Miss Pillsbury. Isso foi depois impresso em camisetas brancas, as quais os alunos apresentaram orgulhosamente enquanto cantavam Gaga "Born This Way (Nascido desta forma)."

Algumas das letras de "Born This Way" incluem: Eu sou bonita em meu caminho, porque Deus não comete erros. Eu estou no caminho certo baby, eu nasci assim. Não te escondas em arrependimento, só ame a si mesmo e pronto.

"Um amante diferente não é um pecado ... Não importa se é homossexual, heterossexual ou lésbica, bi, transexual, eu estou no caminho certo, baby."

Curta-nos no Facebook

Chamando McKinley High o "mais gay do ensino médio na história da humanidade, Gainor disse à ABC," Esta é claramente a visão Ryan Murphy do que não deve ser crescer, não da maioria dos americanos. é uma escola em que a grande maioria dos pais não gostaria de enviar seus filhos também."

"Glee" tem sido chamado pelos conservadores por sua promoção do homossexualismo. No mês passado, personagem abertamente gay, Kurt, compartilhou um beijo com o colega homossexual Blaine. Esta semana, personagens gay enrustidos, Santana e Karofsky, estavam sendo empurrados para aparecer.

Entretanto, com Kurt de volta ao McKinley High, ele pretende iniciar um capítulo da PFLAG (Pais, Familiares e Amigos de Lésbicas e Gays).

Enquanto celebrava o estilo de Gaga como eles "nasceram," os líderes cristãos têm encontrado falhas na canção da cantora pop e a noção de nascer de uma certa maneira.

"Nós não somos 'escravos de nossa biologia' a menos que nós escolhamos fazer isso a nós por acreditar que seja o caso," disse Chuck Colson, um evangélico e fundador da Prison Fellowship Ministries, em um comentário anterior.

"Dizendo que a biologia é de alguma forma normativa não é a mesma coisa que dizer que é determinante. Somos livres para escolher como nos comportamos, tanto para o bem quanto para o mal."

Lane Palmer dos Ministérios Dare 2 Share notou que a única maneira de que todos nasceram foi como caído, seres pecadores. Felizmente, essa vida de pecado pode ser resgatada.

"Lady Gaga pode cantar sobre um estilo de vida pecaminoso sendo o projeto que Deus teve para ela, mas eu prometo que Ele (Deus) tem algo infinitamente melhor para ela, e você e eu," disse ele.

O episódio "Glee" na terça-feira foi de 90 minutos de duração e foi a segunda vez que prestou homenagem a Lady Gaga.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca