The Christian Post > Cristianismo|Seg, 3 Jun. 2013 13:51 PM EST

Google e Motorola desenvolvem tatuagem e pílulas para substituir senhas

Projetos apresentado traz tatuagem eletrônica que criptografa senhas e uma pílula que transforma o corpo em “token”

PorAdoniran Peres | Correspondente do The Christian Post

As tecnologias, que cada vez mais fazem parte da vida das pessoas em todo o mundo, chama a atenção para algumas discussões polêmicas em relação a novas descobertas que são comparadas com profecias bíblicas. Uma notícia recente traz duas apostas do Google, na qual apresenta dois projetos com objetivo aposentar as senhas ao criar tatuagem eletrônica que criptografa senhas e uma pílula que transforma o corpo em “token”.

  • Regina Dugan
    You tube|reprodução
    Regina Dugan, atual líder da divisão dos projetos especiais da Motorola.

Em recente entrevista, Regina Dugan, a atual líder da divisão dos projetos especiais da Motorola, apresentou os dois projetos desenvolvidos em parceria com o instituto MC10 da Motorola e as equipes de engenheiros da Google. Os projetos foram desenvolvidos com objetivo de resolver a preocupação, cada vez maior, da empresa em relação às senhas e a segurança de seus usuários.

Segundo Regina, as tecnologias de tatuagem e a pílula, chamada de Proteus Digital Health, estão patenteadas e receberam a aprovação do Food and Drug Administration, órgão regulador americano.

Mesmo o Google desenvolvendo mecanismo e orientações que proteja a privacidade e segurança dos usuários, Regina avalia que uma tatuagem eletrônica poderia ser muito mais rápida e eficiente na autenticação das pessoas na hora de acessar seus e-mails, por exemplo. Na ocasião, Regina demonstrou a marca do protótipo da pesquisa em seu próprio braço. “Alguns jovens provavelmente não gostariam de usar um relógio. Mas com certeza faria uma tatuagem dessas apenas para chatear seus pais”.

Já o projeto intitulado “autenticação vitamínica”, desenvolve uma pílula que traz um minúsculo equipamento alimentado pelo ácido estomacal, que funciona transmitindo senhas por um intenso sinal de 18 bits, transformando o corpo do usuário em um token. Com a tecnologia será possível abrir contas de e-mail, celulares, além também caixas eletrônicos e automóveis com computador de bordo.

A possibilidade de desenvolver a autenticação em roupa foi descartada por Regina pelo empecilho de que poderia ser roubadas ou copiadas. “Se você quiser garantir o seu fracasso na inovação, tente remover os riscos. O tédio é o inimigo da inovação”.

Curta-nos no Facebook

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca