The Christian Post > Cristianismo|Sex, 14 Mai. 2010 21:47 PM EST

Igreja Episcopal Prepara para Ordenar um Bispo Lesbico

PorLillian Kwon | Christian Post Reporter tradutor Amanda Gigliotti

Episcopais estão preparados para saudar uma ocasião histórica e ainda controversa – a ordenação da primeira bispa declaradamente lésbica no Sábado.

A Diocese de Los Angeles irá ordenar suas duas primeiras bispas em Long Beach Arena. Mas muito da atenção está em Rev. Mary Douglas Glasspool, cuja consagração pode prejudicar relações com o resto da Comunhão Anglicana global.

“Nós elegemos ela (Glasspool), não somente uma mulher mas uma mulher que é completamente uma pessoa lésbica,” diss o Bispo de Los Angeles o Rt. Rev. J. Jon Bruno em uma vídeo mensagem.

Glasspool, que tem estado com sua parceira lésbica desde 1988, foi eleita em Dezembro para o cargo de bispo sufragâneo na Diocese de Los Angeles. Ela recebeu a maioridade requerida de consentimentos da maior Igreja e o OK vindo do escritório do bispo presidente em Março.

Este fim de semana, ela irá tornar-se a segunda bispa homosexual na Igreja Episcopal, depois de V. Gene Robinson de Nova Hampshire ser consagrada em 2003.

“Nós nos alegramos ao entrar em uma total nova era dentro do século 21, repensando, reanalisando e reformando quem nós somos como pessoas Cristãs no mundo,” disse Canon Randy Kimmler, missionários por vocacões na diocese de Los Angeles. “Isso é como um primeiro grande passo para nós, então nós nos alegramos com isso.”

Curta-nos no Facebook

Muitos dos 77 milhões de membros da comunhão, contudo, estão desolados. Bispos, principalmente do Sul Global, disse que a ordenação de Glasspool mostrou que os Epicopais dos EUA estão continuando a ir contra a Escritura e desafiando os desejos maiores de seus corpos.

A Comunhão Anglicana pediu por restrições de maneira cortês com relação a ordenação das parceiras gays e a benção de união de homossexuais.

Dr. Peter Jensen, o Arcebispo de Sydney, disse que muitas províncias Anglicanas têm desistido da Igreja Episcopal – o braço Americano do Anglicanismo – e em relação a eles mesmos “fora da comunhão” com eles, de acordo com o jornal da Igreja da Inglaterra.

Eles renovaram o pedido por arrependimento mas podemos ver que, se eles estão falhando no Grande Despertar, isso não irá ocorrer”, disse ele.

Mês passado, uns 130 Anglicanos de 20 províncias endorsaram um documento encorajando um ao outro a considerar suas relações com a Igreja Episcopal e condenando a organização da Igreja do Oeste por perseguir “uma agenda de acordo com seus próprios desejos em oposição às normas históricas da fé, ensinamento e prática.”

“Algumas de nossas Províncias estão já no estado de ruína e a Comunhão prejudicada com a Igreja Episcopal dos EUA e a Igreja Anglicana do Canadá. Suas recusas contínuas de dar honor aos pedidos que se fizeram … trouxeram descrédito para os nossos testemunhos,” afirma o documento.

O atual Bispo Presidente Episcopal Katharine Jefferts Schori disse ao Newsweek, no mês passado, que ordenar Glasspool não é um ato de desafio. Antes, “pessoas têm tomados suas decisões cuidadosamente, com consideração abundante no impacto sobre os outros, mas também a partir de um senso que eles sentiram que foi profundamente correto,” disse ele.

Jefferts Schori, a primeira mulher a servir como líder da Igreja Episcopal, está programada a ordenar Glasspool e Diane Jardine Bruce no Sábado.

“Nós iremos ver a primeira bispa mulher a entrar na arena para ordenar as primeiras duas mulheres bispas da Diocese de Los Angeles,” disse Bruno. “

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca