The Christian Post > Mundo|Ter, 27 Jul. 2010 01:33 AM EST

Conservadores Protestam Contra a Constituição Pró-aborto no Quênia

PorLawrence D. Jones | Repórter do Christian Post tradutor Rodrigo L. Albuquerque

Mais de 170 líderes pró-vida e pró-família em 21 países assinaram uma petição exortando o povo do Quênia a considerar as conseqüências da promulgação de uma Constituição que dizem que substituiria a lei presente, que proíbe o aborto, exceto para salvar a vida da mãe.

Liderados pelo Congresso Mundial das Famílias (WCF), a petição reivindica que a nova Constituição "seria, na realidade, permitir o acesso ilimitado ao aborto e resultar na destruição de inúmeras crianças por nascer e no prejuízo para as mulheres."

"Os quenianos estão literalmente lutando pela esperança e o futuro de sua nação - a vida dos nascituros," observou Diretor da WCF Larry Jacobs, em comunicado da organização, esta semana.

"Pedimos ao povo do Quênia para considerar cuidadosamente as conseqüências deste movimento fatal, que poderia ser o primeiro passo em um caminho que o Ocidente tem seguido, levando a um quarto de todas as gestações nos EUA que termina em aborto," acrescentou. "Mais uma vez, o legado de Margaret Sanger e Planned Parenthood é revelado com a sua agenda racista para eliminar os africanos negros."

De acordo com a WCF, a Constituição que será votada pelos quenianos, em 04 de agosto, inclui linguagem que permite o aborto quando a “saúde” mãe é afetada pela continuação da gravidez.

Notavelmente, entretanto, a Constituição não define o termo "saúde" e, portanto, poderia vir a incluir o "completo desenvolvimento físico, mental e bem-estar social e não meramente a ausência de doença ou enfermidade," como definido pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Curta-nos no Facebook

"A linguagem de estilo ocidental para a legalização do aborto foi inserida na Constituição do Quênia por nove membros votantes do Comitê de Peritos, que incluiu três não quenianos, e foi rejeitada pelos parlamentares quenianos no processo de projeto," relatou petição WCF, que também observou como tradicionais valores quenianos reconhecem a dignidade de todos os membros da família, incluindo a criança por nascer.

"O Art. 26, da Constituição proposta, cria um mecanismo para o aborto sem restrições na demanda em qualquer momento da gravidez," acrescentou Jacobs.

Com a votação se aproximando rapidamente, o WCF recolheu as assinaturas de 170 líderes pró-vida e pró-família, em 21 países que se opõem à Constituição pró-aborto.

Entre os signatários da petição são Linda Harvey, presidente da Missão America, Wendy Wright, presidente de Concerned Women for America, Andrea Lafferty, diretora-executiva da Traditional Values Coalition, e Mike Huckabee, o ex-governador de Arkansas.

De acordo com a WCF e os signatários da petição, o aborto prejudica mais a saúde da mãe - inclusive fazendo-a mais suscetível ao câncer de mama – do que carregar uma criança até o fim.

A ameaça real "para a saúde materna no Quênia vem de parto desassistido e falta de acesso a cuidados obstétricos de emergência,” afirmou a petição.

"[O aborto] pode resultar em perda de sangue e infecção e causar dano às mulheres fisicamente, emocionalmente e psicologicamente," ressaltou a organização.

De acordo com o WCF, a áfrica tem sido alvo por parte de grupos internacionais de controle de população para o aborto legalizado, apesar de uma queda de 47 por cento da fertilidade do Quênia e projeções que mostram o declínio da população nos próximos 50 anos. A organização também afirma que a administração Obama gastou mais de US $ 23 milhões para promover a constituição pró-aborto.

Fundada em 1997, o Congresso Mundial das Famílias (WCF) é uma rede internacional de organizações pró-família, acadêmicos, líderes e pessoas de boa vontade de mais de 60 países. A organização e os seus membros procuram restaurar a família natural como a unidade social fundamental e o "canteiro" da sociedade civil, como indicado na Declaração Universal dos Direitos Humanos.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca