The Christian Post > Política|Qui, 13 Jun. 2013 11:29 AM EST

Marco Feliciano critica Marina Silva sobre suposto apoio a casamento gay: ‘negar princípio é traição’

PorAmanda Gigliotti | Repórter do The Christian Post

O deputado e pastor Marco Feliciano (PSC) criticou nesta quarta-feira a posicionamento da ex-ministra Marina Silva quanto ao casamento gay. Em resposta às críticas de Jean Wyllys (PSOL), a pré-candidata à presidência da República em 2014, deu a entender que é a favor do casamento homoafetivo.

  • marco feliciano
    (Foto: Twitter/Assessoria-Marco Feliciano)
    Deputado Pastor Marco Feliciano é o novo Presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias. Quinta-feira, 07 de março de 2013.

“Em 2010, a nossa irmã Marina Silva, candidata, p/assegurar votos evangélicos se declarou CONTRA O CASAMENTO GAY”, escreveu Marco Feliciano em seu Twitter.

“Em 2013, pré-candidata, Marina Silva se declara A FAVOR DO CASAMENTO GAY”, escreveu ele apontado para um artigo da EM que fala sobre seu novo posicionamento.

“Negou seus principios, o q houve?” questionou o deputado.

Segundo o artigo, a membra da Assembleia de Deus do Distrito Federal não teria gostado das críticas do deputado Jean Wyllys, sobre seu conservadorismo, em fevereiro deste ano.

As críticas vieram em meio à repercussão da fundação do seu novo partido, o Rede Sustentabilidade, cuja carta de princípios prega a realização de consultas populares para temas como, o aborto e a regularização do uso de drogas.

Curta-nos no Facebook

Ela afirmou, em encontros com aliados, que defende que todos os brasileiros tenham os mesmos direitos e que o assunto sobre casamento gay não demanda plebiscito.

Segundo integrantes do novo partido, em um último encontro pessoal entre ela e Wyllys em 2011, Marina Silva teria dado a questão da união civil homoafetiva como resolvida.

O presidente da CDHM disse que espera que tudo seja um mal entendido. “Afinal, negar principios por questões meramente progressistas é traição.”

Resposta à Marina Silva sobre o seu ‘despreparo’ na CDHM

Feliciano também respondeu aos comentários que a ex-ministra faz quanto ao seu despreparo para presidir a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara (CDHM).

“Como minha irmã me desmerecer assim [link do vídeo em que ela faz a crítica] já é estranho. Nunca falou me perguntou sobre a verdade qdo fui perseguido”, desabafou.

“Qto ao ‘despreparo’ p o cargo q ocupo, ninguém nasce pronto, posso aprender, e ela c/experiencia poderia me ajudar, afinal somos irmãos (sic).”

Apesar das críticas recebidas e feitas à Marina Silva, Marco Feliciano afirmou que apoiou a ex-ministra, que foi então candidata à presidência da República em 2010, pelo Partido Verde (PV).

“Eu a apoiei, mesmo sabendo q seus posicionamentos eram dúbios, como sobre o aborto. Questionada ela disse q era QUESTÃO DE SAUDE PUBLICA”.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca