The Christian Post > Cotidiano|Qua, 19 Jun. 2013 15:47 PM EST

Marisa Lobo em polêmica com supostas feministas no Twitter

PorSarah Curty | Correspondente do The Christian Post

Na tarde desta terça-feira, o que era para ser uma brincadeira se tornou uma discussão entre feministas e a psicóloga cristã Marisa Lobo no Twitter. Marisa retuitou uma mensagem da cantora Lydia Moisés que dizia “#ProtestarSimVandalismonão Vândalos não me representam #ArrumarUmNamoradoPraDilma crente, canela de fogo!'.

  • Marisa Lobo
    (Foto:Reprodução/Twitter)
    Psicóloga cristã Marisa Lobo.

A usuária Nádia Lapa publicou, então, um comentário acerca da brincadeira entre Lydia e Marisa: “Sabem quem está retuitando a tag de arrumar um namorado pra Dilma? Isso mesmo, a @marisa_lobo”, ao que Marisa respondeu: “qual é o problema linda?precisa de um tambem #UmNamoradoparaNadiaLapa. Bjos”.

Nádia respondeu afirmando que Marisa Lobo “traz a pessoa amada em três dias”, fazendo referência ao anúncio comum de quem trabalha com espiritismo, macumba e magia negra. Marisa não gostou da comparação e respondeu: “não pira !!!!foi só uma brincadeira sem cunho ideologico ,sou humana estou no meu tt e tenho direito a protestar e não sou Femem (grupo feminista de protesto criado na Ucrânia)”.

Outros usuários decidiram entrar na conversa e chegaram a insultar a psicóloga. A usuária Café com @ de Mulher escreveu: “ a @marisa_lobo e sua corja de reaça falando de um modo que ‘ninguém quer ficar com a dilma’ alou marisa vc não essas coisas não tá?! (sic)”. Marisa respondeu ao tuíte fazendo referência ao nome da usuária e disse que prefere chá a café, mas que a usuária não se ofendesse pelo fato de Marisa não ser “chegada em pessoas do mesmo sexo”.

A usuária não se conteve e respondeu: “Sei que não é preconceito, pois sei que vc é homofobica”. Marisa negou a acusação e disse que, para sustentar tal informação, a usuária deveria unir provas contra ela. “Eu sou é #feiofóbica isso sou”, provocou Marisa.

Marisa afirmou que as feministas estavam “no seu pé”. “Queridas amo ter marido ,e odeio esse Femen ...se é ser machista isso,sou sim..e Feliz”, escreveu a psicóloga. “Kkk Só pq disse que gosto de ter marido,as feministas estáo me atacando? Vão lavar roupa,cuidar dos filhos, arrumar armário é bem legal”, continuou.

Curta-nos no Facebook

A psicóloga finalizou as discussões afirmando: “Curto ser amada e cuidada pelo marido, #antifemen”. Algumas seguidoras apoiaram a psicóloga, reiterando suas afirmações.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca