The Christian Post > Política|Qua, 6 Jul. 2011 09:03 AM EST

Marta Suplicy: PLC 122 Não É Arquivado e Pretende Criar Novo Projeto?

PorHamlet Kim | Repórter do The Christian Post

A senadora Marta Suplicy (PT-SP) tenta esclarecer em nota oficial que não vai arquivar o PLC 122 e que discute a criação de um novo projeto que criminalize a homofobia.

  • Marta suplicy
    (Foto: Reuters)
    A senadora Marta Suplicy (PT-SP) tenta esclarecer em nota oficial que não vai arquivar o PLC 122 e que discute a criação de um novo projeto que criminalize a homofobia.

“Nunca falei em arquivar o PLC 122. Disse que, fruto das discussões do PLC 122, um novo projeto é discutido no momento, com acompanhamento de Toni Reis, presidente da ABGLT, e também tendo eu relatado a mais lideranças do movimento LGBT o andamento de cada conversa feita entre senadores”, declarou ela em nota.

A senadora, que conversou com o senador Magno Malta no final do mês de junho, havia aparentemente reconhecido que deveria haver um novo texto para focar no combate à homofobia.

Segundo a Revista Lado A, publicação voltado ao público homossexual, um novo projeto será apresentado esta semana no Senado com um número próprio. A publicação, que disse ter tido acesso ao texto do novo projeto, disse que ele não criminaliza a agressão verbal aos homossexuais, mas cria dentro da legislação existente “agravantes” e a “tipificação de crimes por preconceito”.

A assessoria de imprensa de Magno Malta, a partir da conversa, afirmou que o PLC 122 teria sido “sepultado de forma definitiva pela própria relatora, senadora Marta Suplicy”.

O evangélico, que faz opsição ao PLC 122, alega que o preconceito atinge vários segmentos da sociedade e não somente os homossexuais. Assim para ele e os grupos religiosos e pró-família, esse projeto de lei é inconstitucional.

Curta-nos no Facebook

Marta, entretanto, insiste em manter o PLC 122, mesmo falando sobre a possibilidade de criar outras propostas. Aparentemente, ela pretende fazer do projeto uma marca da luta em favor dos direitos homossexuais.

“Jamais deixaria de reconhecer os esforços e homenagear a luta de Iara Bernardi, Fátima Cleide e tantos ativistas que há anos lutam pela justa criminalização de quem induz, espanca ou mata homossexuais”, declarou Marta Suplicy na nota.

Marta Suplicy mostra o desejo de que “os princípios do PLC 122 não se percam” e que todos respeitem a “diversidade”. “A luta que fortalece a democracia”. Pelo seu esclarecimento, no entanto, não ficou claro se sua intenção é manter o PLC 122 e ainda criar outro projeto.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca