The Christian Post > Mundo|Ter, 27 Ago. 2013 10:13 AM EST

Membros da seita da Unificação ateiam fogo em seus próprios corpos

PorHamlet Kim | Repórter do The Christian Post

Três membros japoneses da seita da Unificação atearam fogo em seus próprios corpos em Gapyeong na sede da igreja na Coreia do Sul, na última quinta-feira, relatou o Yonhap News Agency. O incidente ocorreu na casa de oração da sede.

Os membros foram para a Coreia do Sul para participar do primeiro aniversário do fundador da igreja, Sun Myung Moon.

Segundo a publicação, dois membros estão em condições graves, enquanto a outra sofreu ferimentos ligeiros.

De acordo com relatórios da mídia, eles se encharam com tíner antes de atear fogo.

O líder da seita morreu no dia 3 de Setembro do ano passado devido a uma pneumonia. Alguns moonies vão para Gapyeong para o primeiro aniversário da morte do líder no dia 23 de agosto, seguindo o calendário lunar.

Moon é reverenciado por seus seguidores e pregava que seu papel era completar a missão de Jesus de restaurar a humanidade a um estado de pureza “sem pecado”.

Curta-nos no Facebook

Críticos o descrevem como um charlatão e que fazia lavagem cerebral em seus membros.

A igreja afirma ter cerca de 3 milhões de seguidores em todo o mundo, apesar de especialistas afirmarem ser o número menor que esse.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca