The Christian Post > Cotidiano|Sex, 19 Abr. 2013 11:54 AM EST

Ministério da Saúde abre concurso com 265 vagas

Edital foi publicado nesta sexta-feira. Todas as vagas são para pessoas com formação superior. Salários chegam a R$ 6.722,34 para os economistas, engenheiros civis e engenheiros eletricistas

PorMaria Carolina Caiafa | Correspondente do The Christian Post

O Ministério da Saúde divulgou edital de concurso público com 265 vagas para pessoas com formação em nível superior nesta sexta-feira (19). Os salários variam entre R$ 3.981,41 a R$ 6.722,34.

  • Logo Ministério da Saúde
    (Foto: Divulgação/Ministério da Saúde)
    Ministério da Saúde corresponde ao setor governamental responsável pela administração e manutenção da saúde pública do país.

Os cargos são para analista técnico administrativo PGPE I e II, administrador (224 vagas), bibliotecário (3 vagas), contador (7 vagas), economista (9 vagas), engenheiro civil (3 vagas) e engenheiro eletricista (3 vagas). Do total, 13 vagas estão reservadas para pessoas com deficiência.

São oferecidas 16 vagas para os cargos de analista técnico administrativo I e II com jornada de trabalho de 40 horas semanais e remuneração de R$ 3.981,41. Nesse caso, todas as vagas são para o Distrito Federal (DF).

Os cargos de administrador e bibliotecário possuem carga horária de 40 horas por semana e remuneração de R$ 3.981,41. O cargo de administrador busca profissionais para vários estados. Já as vagas para bibliotecário são para o DF.

Esse processo ainda tem 15 vagas para os cargos de economista, engenheiro civil e engenheiro eletricista. A jornada de trabalho também é de 40 horas semanais e a remuneração para esses cargos é de R$ 6.722,34. Para esses cargos, todas as vagas são para o Distrito Federal (DF).

As inscrições devem ser feitas das 10 horas do dia 26 de abril até às 23h59 do dia 17 de maio pelo site do Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), responsável pelo concurso. A taxa é de R$ 80 para todos os cargos.

Curta-nos no Facebook

A seleção é composta de três etapas: provas objetivas de conhecimentos básicos e específicos; prova discursiva e avaliação de títulos. As provas objetivas e a prova discursiva serão aplicadas na data provável de 7 de julho, no período da manhã, nas 27 capitais das unidades da federação. O prazo de validade do concurso será de um ano, podendo ser prorrogado, uma vez, por igual período.

O anúncio de que o Cespe, relacionado à Universidade de Brasília (UnB), seria responsável por esse concurso saiu no início desta semana. O Centro é considerado uma das bancas mais complexas e elaboradas, pois exige dos candidatos interpretação dos conteúdos cobrados, indo além de uma mera memorização. Além disso, em muitas das provas, cada questão errada gera uma pontuação negativa, evitando assim, que candidatos sejam aprovados por sorte.

O concurso foi autorizado pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão na portaria 613, divulgada em dezembro de 2012.

O Ministério da Saúde corresponde ao setor governamental responsável pela administração e manutenção da saúde pública do país, incluindo órgãos vinculados como Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A Anvisa também está selecionando funcionários neste ano (2013) por meio de concurso. 

Acesse aqui o edital.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca