The Christian Post > Mundo|Seg, 10 Jan. 2011 14:24 PM EST

Papa Apela aos Governantes em Nome dos Cristãos Perseguidos

PorNathan Black | Repórter do Christian Post tradutor Abigail Viana dos Santos

O Papa Bento XVI fez um apelo, segunda-feira, exigindo que os governos ao redor do mundo protejam os Cristãos contra a violência e a discriminação.

Ele estava se dirigindo não apenas os países de maioria muçulmana, incluindo Egito, Iraque e Nigéria, mas também Europa e o Ocidente, onde a religião está sendo marginalizada.

Mas a maioria das preocupações expressadas foram sobre a recente onda de ataques que deixaram dezenas de Cristãos mortos. Os Cristãos coptas no Egito foram as últimas vítimas uma explosão no Réveillon. Apenas algumas semanas antes, a população cristã da Nigéria foi o alvo durante Natal. E a minoria cristã no Iraque continua a sofrer por meses esse cerco, que em outubro deixou 58 pessoas mortas quando as bombas explodiram perto de residências e empresas.

"Esta sucessão de ataques é mais um sinal da necessidade urgente para os governos da região a adotarem, apesar das dificuldades e perigos, medidas eficazes para a proteção das minorias religiosas," disse o papa, de acordo com a The Associated Press.

O grupo de direitos humanos International Christian Concern lançou seu relatório anual Hall of Shame (Muro da Vergonha) na semana passada, a lista dos piores perseguidores dos Cristãos em 2010. O Iraque e Egito foram adicionados à lista este ano.

O presidente do ICC, Jeff King, lamentou que a taxa de perseguição aos Cristãos acelerou em todo o mundo, especialmente no mundo islâmico.

Curta-nos no Facebook

"Ódio anticristão decorrentes do Islã fluiu para 2011, como visto nos ataques terríveis no Egito, Paquistão e no Iraque e já este ano," disse ele. "A eterna vigilância é necessária na luta para defender o direito humano fundamental da liberdade religiosa. Aqueles de nós felizardos em viver em países que concedem a liberdade religiosa, não devem esquecer nem negligenciar a situação dos Cristãos que são condenados pela ideologia extremista ou a tirania do governo de sofrer - ou morrer - por sua fé."

O relatório do ICC observou que a perseguição aos Cristãos é raramente relatada pela grande mídia apesar de ser uma ocorrência comum.

Mas os ataques contra os Cristãos nos últimos meses têm chamado a atenção da mídia e do mundo. Isto inclui tratamento do Paquistão dos Cristãos. Milhares ao redor do mundo estão pedindo a liberdade da mãe cristã Ásia Bibi, a primeira mulher a ser condenada à morte por blasfêmia.

O Papa Bento XVI, em seu discurso de segunda-feira, também pediu que o Paquistão revertesse as suas leis de blasfêmia.

Em outubro, programa-se que o papa realize uma cúpula inter-religiosa, enfocando a paz para acabar com a violência religiosa. Ele identificou os Cristãos como um grupo religioso que mais sofre de perseguição por causa da sua fé.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca