The Christian Post > Mundo|Seg, 13 Mai. 2013 14:38 PM EST

Papa Francisco pede proteção jurídica contra aborto

PorTayguara Ribeiro | Correspondente do The Christian Post

O papa Francisco defendeu a preservação da vida e como já era esperado se posicionou contra o aborto.

  • novo papa
    Reuters
    Novo papa

Em celebração realizada neste domingo (12), no Vaticano, o pontíficie pediu a "garantia de proteção jurídica do embrião", para “proteger todos os seres humanos desde o primeiro momento da sua existência".

Esta foi a primeira vez que o líder máximo da Igreja Católica falou sobre o tema, mas sua linha de pensamento já era conhecida desde o tempo em que era arcebispo de Buenos Aires.

Para ele, “este tema muito importante, de respeito pela vida desde a concepção".

Cerca de 30 mil pessoas acompanharam a celebração e marcharam entre o Coliseu de Roma e o castelo de Santo Ângelo.

Francisco falou ainda sobre a proposta à União Europeia pelos movimentos pró-vida. Um abaixo-assinado está em curso nas paróquias italianas para apoiar a iniciativa.

Curta-nos no Facebook

Temas da defesa da vida como aborto, eutanásia, bioética têm sido razão de grande conflito entre a Igreja Católica e as sociedades do Ocidente.

O mesmo posicionamento mais conservador tem sido tomado no comando da Igreja Católica, tanto por Bento XVI como por João Paulo II.

Com a eleição do primeiro papa da América Latina, não se esperava que ocorresse uma mudança muito grande de direção sobre os temas mais polêmicos.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca