The Christian Post > Mundo|Qui, 15 Ago. 2013 09:17 AM EST

Pastor Saeed Abedini desmaiando de dor na prisão de Evin

PorStoyan Zaimov | Repórter do The Christian Post tradutor Amanda Gigliotti

A saúde do pastor americano Saeed Abedini tomou um rumo para o pior e ele está desmaiando de graves dores, de acordo com a sua família no Irã que foi capaz de visitá-lo na Prisão de Evin, onde ele está cumpre uma sentença de oito anos.

  • abedini
    (Foto: ACLJ)
    Pastor Saeed Abedini

"Infelizmente, nós verificamos que os ferimentos internos do Pastor Saeed estão causando o aumento da dor", o Centro Americano para Lei e Justiça (ACLJ), que representa a mulher de Abedini e dois filhos em os EUA, revelou em um post na segunda-feira.

"O pastor Saeed vem sofrendo de hemorragia interna - resultado dos espancamentos intensos que ele sofreu na prisão por sua fé."

No início deste verão, a saúde da Abedini parecia estar melhorando, com a sua família observando que ele estava em "bons espírito" após a sua libertação da prisão solitária, e que alguns de seus sintomas médicos haviam diminuído.

Preso em 2012 e, posteriormente, condenado a oito anos de prisão, supostamente por pôr em perigo a segurança nacional, o pastor cristão foi espancado na cadeia e foi pressionado a renunciar à sua fé em Cristo, mas ele se recusou a fazê-lo. Uma campanha internacional apoiada por centenas de milhares de pessoas em todo o mundo pediu a sua libertação, mas até agora as autoridades iranianas se recusaram a conceder tal pedido.

As autoridades também negaram Abedini cuidados médicos importantes para a dor que ele estava sentindo em seu abdômen, fazendo com que o ACLJ acusasse a república islâmica de "tratamento desumano de prisioneiros de consciência."

Curta-nos no Facebook

O pastor finalmente recebeu o tratamento em um hospital local, onde foi prescrita medicação, mas não foi o suficiente, e sua dor aumentou, o grupo de lei cristã, disse, revelando que em uma ocasião ele até desmaiou de "imensa angústia."

"Esta é uma virada perturbadora de eventos. Ele serve como um lembrete renovado das condições perigosas que o pastor Saeed enfrenta, em uma das piores prisões do mundo", o ACLJ continuou, e pediu oficial para fornecer Abedini a importante assistência médica que ele precisa.

O grupo de lei apontou que o pastor está sendo mantido na prisão por causa de sua fé cristã, e observou que a sua história é uma das muitas de perseguição que ocorrem atualmente na República Islâmica.

Em uma entrevista recente, Naghmeh Abedini, a esposa do pastor, falou sobre a tortura e espancamentos que seu marido foi submetido enquanto estava na prisão, e anunciou uma próxima vigília de oração em setembro para marcar o aniversário de sua prisão.

"Ele tem lidado com muita dor e hemorragia interna desde que ele foi levado para o confinamento solitário que tem sido horrível em si ... duas vezes, em tentativas de destruí-lo e fazê-lo renegar sua fé. Ele passou por muita coisa no ano passado," disse Naghmeh Abedini.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca