The Christian Post > Cristianismo|Sab, 25 Mai. 2013 08:26 AM EST

Pastor Saeed Abedini em carta: ‘Sem a força de Deus é impossível agir’

PorSarah Curty | Correspondente do The Christian Post

De dentro da prisão de Evin, no Teerã, o pastor americano Saeed Abedini conseguiu enviar uma carta à sua esposa Nagmeh contando sua real situação no encarceramento. Na carta, ele agradeceu pelas orações e pede que os cristãos se unam para continuar torcendo pela sua soltura.

  • abedini
    (Foto: ACLJ)
    Pastor Saeed Abedini

“Eu ouvi que a minha perseguição, minha prisão e encarceramento uniram igrejas das mais diferentes denominações, de diferentes cidades e países, que nunca se juntariam por causa de suas diferenças. Que as igrejas se uniram em oração para um só pedido (minha liberdade)”, escreveu Saeed.

Saeed se disse alegre por ver tanta comoção e movimentação por uma única causa. Quase 600 mil pessoas de todo o mundo assinaram uma petição pedindo a soltura do pastor Saeed e muitas igrejas e comunidades de diversas partes do mundo estão se reunindo em orações pela saúde dele.

“Quando a igreja está unida (em um só coração, em um só lugar, em um só dia) é aí que a alegria e a força de Deus (Espírito Santo) quer entrar nessa unidade e derramar seu amor e pedir que o Senhor seja exaltado”, escreveu.

“Somente quando o Espírito Santo vier é que teremos força. Sem a força de Deus é impossível fazer a vontade Dele. E quando recebemos a força, aí seremos transformados. E quando formos transformados, é aí que a Igreja será transformada. E quando a Igreja for transformada, aí o mundo estará livre das correntes do pecado e todos seremos salvos e transformados”, disse.

Ele ainda pediu que as pessoas continuem orando não só por ele, mas pela liberdade e salvação de todos os perseguidos e presos injustamente ao redor do mundo.

Curta-nos no Facebook

Desde que o pastor saiu da solitária, no início de maio, prisioneiros e colegas de cela de Saeed vêm afirmando que o pastor parece estar cada vez melhor de saúde e “mais cheio de alegria e paz” o que, segundo sua esposa Nagmeh, é a prova de que as orações estão funcionando.

Saeed Abedini foi sentenciado a oito anos de prisão em janeiro de 2013 por, supostamente, por em risco a segurança nacional do Teerã.

A íntegra da carta pode ser lida aqui (em inglês).

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca