The Christian Post > Entretenimento|Ter, 28 Jan. 2014 01:13 AM EST

Prisão de Justin Bieber leva cristãos pedirem no Twitter para pastores ajudarem o cantor

O cantor Justin Bieber tem vivido um momento bastante conturbado em sua vida

PorLuciano Portela | Repórter do The Christian Post

A prisão recente de Justin Bieber, por dirigir bêbado, levou alguns cristãos a pedirem através da rede social Twitter para que pastores Judah Smith e Carl Lentz, amigos de Bieber, possam trazer algum tipo de orientação para ajudar o cantor pop a ajustar sua vida.

  • Justin Bieber
    (Foto: Reuters)
    Show de Justin Bieber em Londres

"Ei, Judah Smith! Acho que você precisa levar o seu menino de volta para a igreja. Ele precisa de orientação", tuitou Shawn Raly, ministro da juventude de uma igreja evangélica em Oak Grove na rede social que também apresentou vários posts com a hashtag #PrayforJustin (Reze para Justin).

Em outro post, David Arnold, um ministro de uma comunidade cristã na Índia, também deixou uma mensagem sobre Bieber, direcionada a Carl Lentz, pastor da igreja Hillsong NYC (Cidade de Nova York). "Ei, Carl Lentz, o que está acontecendo com o Biebs? Oremos por ele... Ele precisa um pouco mais da Palavra", publicou.

Justin tem vivido um momento bastante conturbado em sua vida. Apesar de falar abertamente que crê em Jesus Cristo como legítimo Salvador, o cantor tem se desviado da fé através de incidentes problemáticos com drogas, carros e confusões com alguns paparazzi.

Diante de tantas provações, o pastor Smith revela que tem procurado se empenhar em auxiliar Bieber a se afastar de situações enganosas. "Eu faço o meu melhor para encorajá-lo, e ele é um rapaz espetacular", relatou o ministro, que foi procurado pela mãe do cantor, Patricia Mallette.

Segundo Smith, ele também busca fazer com que o astro pop enxergue seu caminho da mesma forma que Jesus encararia seu destino se passasse pelos mesmos problemas do século XXI, abastecido de pecados ligados ao sexo ou às drogas, conforma revelado pelo canal Fox norte-americano.

Curta-nos no Facebook

"Eu tendo a refletir certamente que Justin tem uma série de chances de se envolver com tentações. Mas sinceramente, eu acho que todos passamos por isso. Assim, eu gostaria de encorajá-lo, como eu faço com a maioria da igreja, para agir como Jesus, e sempre se fazer a pergunta 'o que Jesus faria?'. Tenho certeza que Justin teria fantásticas decisões em sua vida", resume Smith.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca