The Christian Post > Política|Sab, 26 Nov. 2011 15:45 PM EST

PT Acionará Comissão de Ética Contra Jair Bolsonaro

PorAmanda Gigliotti | Repórter do The Christian Post

Depois de uma declaração polêmica de Jair Bolsonaro referindo-se à Dilma Rousseff como sendo homossexual em um uma audiência na Câmara, o PT decidiu acionar a Comissão de ética e Decoro Parlamentar da Câmara contra o deputado.

Em uma declaração nesta sexta-feira o PT falou sobre a atitude de Bolsonaro como um “comportamento reiteradamente homofóbico e não condizente com a dignidade e a responsabilidade”.

O PT anunciou que “repudia com veemência a nova manifestação preconceituosa, discriminatória e homofóbica do deputado”.

O partido reafirmou também suas bandeiras históricas contra qualquer tipo de discriminação e preconceito. “Esta deve ser uma luta permanente de toda a sociedade que se queira democrática e preconceito. Esta deve ser uma luta permanente de toda a sociedade que se queira democrática, tolerante e que respeite as diferenças”.

O discurso de Bolsonaro veio depois da intenção do Ministério da Educação (MEC) de incluir o combate à homofobia nos currículos escolares com a distribuição de kits anti-homofobia em cerca de 6 mil escolas públicas.

O kit, que seria composto de cartilhas, cartazes, folders e vídeos educativos, encontrou, porém, grande oposição por parte da bancada religiosa grupos pró-família.

Curta-nos no Facebook

O deputado afirmou à agência Estado que sua intenção era de questionar a distribuição desse material nas escolas e não a de questionar a sexualidade de Dilma. “Não me interessa a opção sexual dela, eu só não quero que esse material vá para a escola”.

Apesar da polêmica, Bolsonaro ficou feliz com a repercussão de suas declarações dizendo de uma forma positiva que a “frase equivocada” está ajudando a levantar o mérito da questão.

"O kit gay não foi sepultado ainda. Dilma Rousseff, pare de mentir. Se gosta de homossexual, assume. Se o teu negócio é amor com homossexual, assuma. Mas não deixe que essa covardia entre nas escolas de 1º grau", disse Bolsonaro em sua polêmica declaração.

A pedido do deputado Marcon (PT-RS), o pronuciamento do deputado foi retirado das notas taquigráficas pelo deputado Domingos Dutra (PT-MA), que ocupava a presidência da sessão.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca