The Christian Post > Entretenimento|Seg, 14 Jan. 2013 13:28 PM EST

Record critica Globo e aproximação com evangélicos no Domingo Espetacular

PorNatalie Neris | Correspondente do The Christian Post

O programa Domingo Espetacular da rede Record veiculou neste domingo uma reportagem criticando a Globo e sua aproximação com evangélicos.

  • Record
    (Foto: Divulgação)
    Rede de televisão Record

A reportagem contestou o envolvimento da rede Globo, que transmite ensinamentos de religiões afro-brasileiras com cantores evangélicos, chegando até a produzir o Festival Promessas só com música gospel.

A crítica começou com a campanha dos evangélicos em redes sociais contra os programas da Globo. O exemplo citado foi do Pastor Divino Teixeira, de Ipatinga, que fez uma campanha pelo Facebook contra a microssérie “O Canto da Sereia”.

Mostrou ainda a vinculação de entidades religiosas presentes no candomblé e outras religiões afro-brasileiras, em personagens e novelas da Globo, como Sereia e Iemanjá e Salve Jorge e São Jorge.

Três pastores deram ainda suas opiniões sobre o Festival Promessas, que vem atraindo a audiência do publico gospel. Segundo a reportagem, esse festival foi a primeira tentativa de aproximação dos evangélicos.

“No Festival Promessas é uma atividade de marketing, não teve ali pregação do evangelho. O que teve foi exploração dos cantores gospel que ali estiveram. É um convite para tomar proveito da situação financeira do pais, pela força que hoje tem a música gospel”, declarou o pastor Agenor Duque.

Curta-nos no Facebook

A reportagem publicou ainda o que a Globo respondeu oficialmente: a “emissora é laica”.

Contratações

Alguns cantores gospel foram contratados recentemente pela Som Livre, gravadora das organizações Globo. Com isso constantemente esses cantores tem aparecido em programas da rede.

O ministério de louvor Diante do Trono foi um dos contratados da Som Livre. Hoje, após a veiculação da crítica da Record contra a Globo, publicou uma nota criticando a reportagem da rede da Universal, e também por não dar espaço aos evangélicos em sua programação.

“Ao contrário da Globo, que está investindo na música evangélica e dando apoio aos evangélicos. Ninguém é ingênuo a pensar que a Globo está fazendo isso por ser boazinha. Todos que estão envolvidos com isso: artistas, pastores (inclusive o Pr. Silas Malafaia), todos, enfim, sabem que o interesse da Globo é comercial. Mas e daí? A gente nunca quis que a Globo virasse uma emissora evangélica, a gente queria que ela abrisse espaço, e é o que está acontecendo”, publicou em seu site.

  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
  • Wanderlei Silva no TUF Brasil...
Não Perca