The Christian Post > Cristianismo|Seg, 17 Fev. 2014 08:04 AM EST

Refugiado do Congo diz que milagre reparou a vida depois de rever sua família perdida haviam anos

Nene Rwenyaguza fugiu para os EUA com uma Bíblia e reencontrou sua família anos depois

PorLuciano Portela | Repórter do The Christian Post

Depois de se refugiar da República Democrática do Congo, o cristão Nene Rwenyaguza relatou que um milagre reparou a sua vida, quando escapou para a América do Norte e se estabeleceu no Missouri, centro-oeste dos Estados Unidos.

  • Bíblia
    (Foto: Stock.xchng)
    Bíblia é o texto religioso de valor sagrado para o Cristianismo.

Nene fugiu de seu país natal há cerca de doze anos. A região onde morava vivia uma série de conflitos, e quando tentou escapar do caos, se perdeu de sua família e logo teve a notícia de uma suposta morte de sua esposa, Francine, e seus três filhos, Aline, Kwezi e Freddy.

O homem congolês então partiu para o Quênia em busca de um porto seguro, a cerca de 4 mil quilômetros do Congo. Consigo, carregava apenas sua esperança resguardada em uma Bíblia e na foto de sua esposa.

Segundo ele, lia a Palavra de Deus e sentia que deveria ter a paciência que teve Jó, o que o acalmou. Três anos se passaram e ele então teve seu pedido de extradição aceito, como refugiado permanente aos Estados Unidos.

Com o pesar de que não teve a oportunidade de trazer sua esposa e filhos, Rwenyaguza foi parar na cidade de Columbia, e na Primeira Igreja Batista local pôde abrandar o seu coração, por ter percebido sua vocação no ministério, pregando justamente para outros refugiados.

Mais alguns anos seguiram e eis que em 2009, Nene Rwenyaguza recebeu uma ligação e do outro lado do telefone, a melhor notícia que poderia receber: sua mulher e filhos estavam vivos, vivendo no Quênia. Alguns trâmites burocráticos depois, a família também pôde ser enviada aos EUA, e o reencontro tão esperado finalmente ocorreu.

Curta-nos no Facebook

Ao descrever que tudo que estava acontecendo era um milagre, Rwenyaguza revela que: "Foi como um sonho. Foi impressionante. Chorei uma vez que os vi passando pelas portas do desembarque no aeroporto", resume.

Com os filhos já adolescentes, os pais agora se adaptam à nova vida nos Estados Unidos, com uma grande lição de vida como saldo, e de acordo com Nene três pensamentos curtos e simples como aprendizado maior: "Você é abençoado, seja feliz e não esqueça o seu Deus", conclui.

  • Victoria Osteen e seu esposo Joel Osteen, pastor sênior da Igreja Lakewood em Houston, Te...
  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
Não Perca