The Christian Post > Entretenimento|Sab, 10 Nov. 2012 05:32 AM EST

Robert Pattinson sofreu com depressão depois de atuar em Crepúsculo

PorLuciano Portela | Repórter do The Christian Post

O ator Robert Pattinson sofreu com problemas de depressão, dois anos depois do início de sua participação na série Crepúsculo, conforme ele mesmo admitiu em entrevista recente para a publicação francesa Premiere.

De acordo com o protagonista da saga de vampiros, ele sentia-se incomodado por estar na mídia de uma maneira que não queria estar, distante de personagens que realmente o atraíam.

"Eu passei por um grande momento de depressão entre meus 23 e 25 anos, onde eu não conseguia ir para onde quisesse ir. Eu estava nos tabloides todos os dias e não tinha acesso aos papéis que realmente queria. Eu queria mais do que isso, em todos os sentidos", afirmou Pattinson.

Para o galã britânico, seu reconhecimento como ator aconteceria de uma hora para outra, sem tanto esforço, bastava estar na mídia. Todavia, com o passar do tempo, ele superou as dificuldades e percebeu que teria que levantar a cabeça e batalhar.

"Eu pensei que tudo estava para ser entregue de bandeja, mas não é assim que funciona. Eu finalmente percebi que precisava lutar por esta transformação que queria tão desesperadamente. De uma forma ou de outra, você tem que passar por um sofrimento para ser capaz de conseguir isso", relatou o ator.

Apesar dos obstáculos, hoje Pattinson já se mostra satisfeito com todo trabalho desenvolvido em Crepúsculo e agora aguarda ansiosamente pela estreia do último filme da saga, Amanhecer Parte 2, que chega aos cinemas no fim da próxima semana.

Curta-nos no Facebook

Robert Pattinson
(Foto: Divulgação)
Robert Pattinson, astro de Crepúsculo

  • ...
  • Brasileirão 2013: tabela de classificação completa após 1ª rodada...
  • Protestos ocorrem com a aprovação do casamento gay na França....
  • Wanderlei Silva no TUF Brasil...
Não Perca