• Tiroteio em casamento cristão deixa 4 mortos, incluindo uma menina de 8 anos, no Egito

    By Luciano Portela on October 23,2013

    Em incidente ocorrido durante o último domingo (20), um tiroreio em um casamento cristão deixou quatro pessoas mortas no Egito, incluindo uma menina de apenas oito anos, conforme relatado pela agência de notícias The Associated Press.

    A cerimônia ocorria normalmente em uma Igreja Católica Copta, no Cairo (EGI), até o momento em que dois homens armados e mascarados adentraram o local em uma motocicleta para abrir fogo contra as pessoas, segundo autoridades locais.

    O atentado é o caso mais recente ato de violência contra cristãos no Egito. Revoltado, o padre Dawoud disse que infelizmente diversas pessoas estão sendo ameaçadas pela violência contra minorias religiosas no Egito, independente de serem cristãos ou não. mais >>

  • Cristão egípcio é decapitado, líderes da Igreja clamam por maior segurança

    By MidEast Christian News on July 15,2013

    A Diocese de Sinai do Norte condenou o assassinato de cidadão egípcio cristão Magdi Lamie, cujo corpo foi encontrado decapitado e torturado, próximo aos túmulos dos Sheikh Zowaid.

    A igreja pediu às autoridades para intensificar as medidas de segurança para proteger os cristãos coptas alvo de militantes.

    O padre Mikhael Anton, sacerdote de St. George Church em Arish, disse Lamie, que vive em Sheikh Zowaid, foi sequestrado no último sábado, quando voltava para casa. mais >>

  • Egípcio que queimou a Bíblia é sentenciado a 11 anos de prisão

    By Sarah Curty on June 17,2013

    O líder muçulmano egípcio Ahmed Mohamed Mahmoud, conhecido como Abu Islam, foi condenado a 11 anos de prisão, no último domingo, 16, pelo crime de blasfêmia. Ele queimou uma Bíblia, em setembro do ano passado na porta da embaixada dos Estados Unidos na cidade do Cairo, no Egito.

    Segundo o site Ahram Online, Mahmoud queimou a Bíblia como forma de protesto contra o filme anti-islã “A inocência dos muçulmanos”, que foi produzido nos Estados Unidos e usado como arma de protestos contra os islâmicos. Mahmoud também afirmou, durante o protesto, que incitou seu neto a urinar na Bíblia.

    Mais tarde, veio à tona que o produtor do filme é um egípcio copta cristão, o que aumentou ainda mais a ira dos muçulmanos e protestos anti-americanos dentro do mundo islâmico. mais >>

  • Morrem mais dois manifestantes em confrontos no Egito

    By Adriano Silveira on January 31,2013

    Mais duas pessoas morreram nesta quarta-feira (30) durante confrontos entre manifestantes e policiais, no Cairo, capital do Egito. Depois de tiroteio, um homem morreu na hora e outro faleceu a caminho do hospital. A violência iniciada na última sexta-feira já deixou mais de 50 mortos depois que a FSN, coalizão de partidos da oposição, convocou manifestações populares contra o governo egípcio.

    A maioria das mortes decorrentes das manifestações pelo país nos últimos dias aconteceu em Port Said, no nordeste do Egito. Os confrontos nesta cidade começaram no sábado, depois da condenação à morte de 21 torcedores de um time de futebol local, que foram acusados de participar dos trágicos acontecimentos que deixaram 74 mortos há cerca de um ano.

    O país enfrenta nova crise política, com violentos embates pelas ruas todos os dias, e oposição já fala em diálogo com o presidente islamita Mohamed Morsi. Um dos principais nomes da FSN, Mohamed ElBaradei, pediu uma reunião de urgência com Morsi e integrantes do governo para tentar resolver a situação. mais >>

  • Egito condena à morte 7 cristãos por filme anti-islã

    By Amanda Gigliotti on January 30,2013

    Um tribunal do Cairo, no Egito, confirmou nesta terça-feira a sentença da pena de morte aos sete cristãos acusados de participar do filme “anti-islã” que gerou protestos no mundo islâmico.

    O tribunal decidiu também reduzir a pena do pastor Terry Jones para cinco anos. Ele foi um dos protagonistas da queima do Alcorão e havia sido sentenciado também à pena de morte.

    Os sete cristãos egípcios se encontram atualmente nos Estados Unidos. Eles são acusados de insultar a religião muçulmana e denigrir a unidade nacional. mais >>

  • Filho de pastor sequestrado no Egito afirma que oração o ajudou a ser libertado

    By Luana Santiago on July 17,2012

    Um pastor americano sequestrado no Egito semana passada foi libertado nesta segunda-feira (16). Após passar três dias como refém no Sinai que fica no norte da Península do Egito, Michel Louis, agradeceu a Deus por estar bem.

    Logo depois de sua libertação, o pastor concedeu uma entrevista ao repórter da CNN. Michel Louis informou que estava se sentindo um pouco cansado, e tudo o que pôde dizer foi "graças a Deus, eu e meus colegas tivemos uma libertação segura”.

    Jean Louis, filho do pastor, disse que a libertação de seu pai e dos outros dois reféns foi resposta de oração. mais >>

Pages: 1234