Tráfico de seres humanos

HOME > Hot Topics > Tráfico de seres humanos
  • Seita em que mulheres que faziam sexo com 'Cristo reencarnado' é proibida no México

    By Sarah Curty on February 18,2013

    Autoridades mexicanas afirmam ter acabado com um culto que explorava sexualmente seus seguidores em Nuevo Laredo no México, na fronteira com os Estados Unidos. Segundo uma autoridade do Instituto Nacional de Imigração, a Imigração Nacional do México, a Polícia Federal Mexicana e promotores do Instituto invadiram uma casa na cidade em 23 de janeiro e encontraram membros da seita vivendo em condições precárias.

    O funcionário do grupo de defesa das vítimas afirma que os “Defensores de Cristo” recrutavam mulheres para que mantivessem relações sexuais com o espanhol Ignacio Gonzales de Arriba que alegava ser a reencarnação de Cristo e era o líder da seita.

    Em seu site, Ignacio se intitula “Maestro Fenix” e oferece cursos de “bio-programação e poderes mentais”, uma prática esotérica que tinha como objetivo a “reprogramação do cérebro” dos praticantes para eliminar dor, sofrimento e ansiedade, segundo o Instituto. De acordo com um jornal mexicano, o “maestro” prometia vida eterna, riquezas e o dom de fazer milagres a quem estivesse 1000% certo de seu amor por Cristo. mais >>

  • Juiz Haitiano: Acusações Contra Todos os 10 Voluntários Permanecem

    By Ethan Cole on April 20,2010

    Apesar das notícias contrárias, o juiz haitiano que supervisiona o caso dos 10 voluntários americanos que tentaram levar crianças haitianas para fora do país, disse na segunda-feira, que as acusações ainda permanecem.

    O juiz Bernard Saint-Vil disse que ainda não tomou qualquer decisão para retirar as acusações dos voluntários americanos cristãos. Ele disse que ainda está considerando o caso da líder do grupo, Laura Silsby, que ainda está sendo mantida em Porto-Príncipe e os outros nove voluntários americanos que foram liberados sob a condição de retornar ao Haiti caso fosse necessário responder a novos interrogatórios.

    A declaração de Saint-Vil contradiz com a que o senador de Idaho, Jim Risch disse a respeito do caso. Risch havia dito que um porta-voz o havia informado que as acusações dos nove voluntários - cuja maioria reside em Idaho - haviam sido retiradas. mais >>

Pages: 1